quinta-feira, 28 de julho de 2011

Voltando a programação normal

Ladies and gentlemen,
Estávamos de ferias!

Depois de muito, mas eu digo, muito, trabalhar antes das férias e não poder postar nadica de nada, eu embalei numa semaninha-inha de pura folga! E, em casa depois de correr horas e brincar mais horas (fora as obrigações, é claro) do meu dia atrás do Luliluli, eu não tinha forças mentais para post nenhum, resultado: blog abandonado, amiga de merda que não comenta (visitei hein) nos blogues amigos e um montão de coisa acontecendo na velocidade da luz, que não consigo organizar as ideias.

Estes dias em casa me deu uma pontinha de vontade de jogar tudo pro alto e cuidar apenas da cria, do marido e do lar, que eu até me desconheci. Só que bastaram passar mais uns dois dias para eu ter a plena convicção que não consigo render nada o dia todo em casa. Virou uma zona total. Muita roupa, louça, brinquedo espalhado, comida e cocô fora da fralda pra eu dar conta! Chegou uma hora que eu pedi penico pro Paulo e disse que seria cega, surda e muda se eu quisesse aproveitar alguma coisa desses meus dias de folga. Resultado 2: A Lu teve muito trabalho na segunda para por ordem no recinto. (é a vida!)

Fora que o Iury resolveu se transformar num monstrinho esses dias. Me trabalhei toda na racionalidade para não por tudo à perder deixando ele comigo e logo me ver toda rodeada de manhas acalentadas e alimentadas por mim, nesse período em casa. Só que, primeiro, ele resolveu que acordar de madrugada e ficar até o sol raiar “conversando” e “rodando” no quarto, comigo ou com o Paulo, é super da hora! Vou contar viu, eu sou um pé-no-saco com sono. Dá até vontade de chorar olhando para aquela carinha desperta na madrugada e eu com cinquenta mil olheiras. E não foram uma ou duas vezes não, foram quatro dias contando com ontem. Tô bem preocupada isso sim. Só que uma ponta de esperança me envolve por ver dois caninos lindos apontando na boca de oito do meu filho. Vamos na esperança de ser os dentes.

Observando o Iury com 17 meses completados dia 23/07, o salto foi enorme! É visível o que ele já consegue fazer de movimentos. Anda na ponta dos pés por longas distancias. Arrasta o dia todo um cesto que tem lá em casa e consegue desviá-lo direitinho das coisas. Cata qualquer micro partícula de pão que ele achar do chão (nunca vi uma pessoa gostar tanto de pão. Ah sim, vi: Eu!). Sobe escada que é uma beleza. Aliás, ele é fissurado numa escada. Desce e sobe de tudo com destreza. Aponta com o dedinho certinho quando pergunto onde está o olho, o nariz e a boca dele. E tudo que peço para ele “jogar no lixo” ele leva, abre e joga na lixeirinha do quarto dele. Um fofo meu Deus!

E olha, tá soltando a língua viu! Fala, sempre que não quer que eu o atrapalhe, um lindo e sonoro – Táu! Ainda dá de mãozinha. Fala: bobó = vovó, papai ou pai, ná = não, dêdê = neném, mamã = mamãe, sai e AU quando cai de bumbum. Por enquanto é só. Mas tô feliz da conta!

Tá uma briga de gato levá-lo ao pediatra. Dito e feito! Assim que entrei no consultório da doutora, ela disse: Mãe, prepare-se para o chororô! E quanto o deitei na maca, a casa caiu! Mal conseguíamos conversar pelo nervoso e barulho que ele fazia. O Paulo teve que tirar ele da sala, peladinho da silva, para eu poder conversar um pouco com a médica. E ela me explicou calmamente que será assim até ele completar uns 2 anos. Mas, tá tudo ok com a saúde dele e isso é o que importa!

Bem, acredito que na questão da disciplina estamos indo bem. Vejo amigas falando de como não conseguem ter controle em casa ou na rua com os filhos, ou mesmo, tendo que gritar várias vezes ou bater e fico satisfeita em saber que com o Iury não precisamos disso. É claro que ele tem momentos de fascinação e teimosia (levando mais para brincadeira). E, na maioria das vezes, só precisamos falar uma ou duas vezes com ele, para ele entender o recado. Minha mãe diz que não conseguirei ter esse controle por muito tempo, mas acredito que seguindo no ritmo chegaremos lá sim. Não me imagino me esgoelando para falar e ser obedecida por ele, isso não!

Agora, não adianta nada eu ficar nesse blá-blá-blá e não mostrar fotos da minha riqueza, vai...
obs.: Estão ruinzinhas por que são do celulete.
SIM!! Ainda usamos o cercadinho por aqui! (tirando as vezes que ele tenta passar a perna pra sair, na maioria, ele fica dentro na boa.)
Na foto: Luli assistindo sua nova paixão, Patati Patatá.

Indo pra balada!
(A foto tava em pé, como ficou assim, seu Blogger?!)

Momento In Love com o primo Felipe.
Nesse dia fomos passar todo na casa da minha mãe e essas duas crionças plantaram o terror! hehe
video
A maioria das fotos ou vídeos agora são com ele de costas ou correndo por aí!
Parece um rapaz, oh God!

6 comentários:

Fabiana disse...

Amiga, que saudades mega de vcs e de saber notícias do “pequeno” Iury.
Gentemmmm, mas esse menino ta lindo demais da conta. Um mocinho, mocinho. Que não deu nem tchum pra câmera e foi só no passeio. Hahahahahaha.
Agora, vc ta falando do Iury ou da Laura esse lance de acordar de madrugada e ficar rolando????? Porque é EXATAMENTE isso que está acontecendo aqui nos últimos dias, quero dizer noite, e como vc amiga, às vezes me dá vontade de chorar.
Aliás, Laura e Iury estão muito iguais no desenvolvimento pelo que li. Laura tb não é de falar muito mas tá indo. Sem pressa, chegaremos lá.
E os dentes vêm vindo mais. Agora, um molar na parte de cima.
E assim vamos caminhando com nossos pequenos cada vez mais criança, né?! Ô diliça!
Bom ter vcs de volta.
Bjos.

lanna balduino disse...

Taty,que imensa saudades de você do Iury...enfim de vocês!Também estive de férias,mas nem pude visitá-los,depois digo porque!
Sim como tá linda essa cabeleira do Iury..rsrsrs..pra quem era carequinha,hem?
Muita saudades de vocês..
Muitas beijocas nesse cabeludinho lindo,viu?
Madrinha adora...

Milena, A Mamãe da Isadora!! disse...

Ain q lindo q ele tahhh , da vontade de morder rs

Bjos

Manu disse...

Nossa quanto tempo hein? Confesso que fiquei preocupada com o sumiço e agora aliviada. rs.

Que bom que ele está se desenvolvendo bem, fico feliz.

Bjs e vê se não some assim....

rainha disse...

meninaaa vc sumiu mesmoo! ou eu que sumi???
kkkk...
ta lindo seu filhote!!!
saudades,saudades mesmo!
filhos sao todos iguais. kkkk
dao trabalho, muito trabalho... mais vale super a pena!!
bjao

Nádia Figueiredo disse...

Apareceu a margarida?!
E um tempinho sem mostrar as caras o Iury chega todo grandão... como cresceu! Tá lindo.
Já ouviu falar do terrible two??? Eu não conhecia mas tem muita mãe passando por isso.
Bjos